Leilões milionários

São seis, este ano, as leiloeiras que promoverão vendas durante a Monterey Car Week. Subirão aos palcos cerca de 1.400 automóveis, estimando-se que serão movimentados mais de 400 milhões de dólares.

Mecum Auctions, Bonhams, Worldwide Auctioneers, Russo and Steele, Gooding & Company e RM/Sotheby’s, são as seis leiloeiras presentes.

Com tanta oferta, é natural que existam modelos para todos os gostos e bolsas, sendo que a tendência é sempre destacarem-se os modelos que acabarão por ser vendidos por valor mais elevado.

A Russo and Steele, tipicamente norte-americana, tem como “estrela” um Tojero Barchetta, de 1952 (automóvel que inspirou a criação do AC Ace e do Shelby Cobra), enquanto a Mecum destaca um protótipo Ferrari 0432M, até agora propriedade do donos da leiloeira.

Entre as casas internacionais, a Worldwide Auctioneers tem como modelo mais raro o eléctrico Riker Electric Stanhope, de 1898, enquanto que a Bonhams destaca dois modelos dos anos 50: o Fiat 8V Supersonic, de 1953, e o Porsche RSK (center-seat) Spyder, de 1959.

Já a RM/Sotheby’s volta a apostar nos automóveis de elevado valor (só modelos Ferrari há 52 automóveis em catálogo), destacando-se o Porsche Type 64 e o Aston Martin DB5 “Bond Car”.

Leiloeira oficial da Elegância de Pebble Beach, a Gooding & Company tem um catálogo que rivaliza com o da RM, sendo com curiosidade que se aguarda a licitação do Ferrai 312T, de 1975, carro que Niki Lauda levou à vitória no G.P. de França desse ano.